ax novinhaix

No Parque da Luz <3

No Parque da Luz <3

Um dia ensolarado, árvores balançando com o vento, um coreto. O que mais se poderia encontrar em um parque conhecido da cidade? Uma freira, uma mulher que esteve em situação de prostituição mas não está mais, estudantes e outras pessoas reunidas por um motivo em comum: ajudar as mulheres em situação de prostituição.

O parque é o famoso Parque da Luz, em frente a Estação da Luz e ao lado da Pinacoteca. Muitas pessoas não imaginam o que acontece do lado de fora das paredes de um espaço cultural e nos arredores de um dos ícones mais tradicionais da cidade. E mesmo os que sabem, a menos que tenham ido lá, não fazem a real idéia.

Prostituição. Não aquela dos filmes, que insiste em passar para o público seu estado de glamour, mas a conhecida como baixa prostituição, onde um programa varia de 5 a 50 reais. Na maioria das vezes, serve para pagar o leite. Apenas.

imagem ilustrativa

imagem ilustrativa

 

São mulheres que por muitos caminhos, não nos cabe julgar quais, foram parar ali entre aquelas árvores. Estão entre as árvores mas não são tratadas como flores. De "fácil" não há nada na vida de quem está sujeita à violência, às doenças, ao abuso, ao preconceito, ao desprezo alheio.

Não cabe a ninguém dizer: é uma questão de escolha. Não, nem sempre é. Ninguém sabe a história de cada pessoa ali. No fundo do coração de qualquer ser humano, apenas Deus sabe o que tem.

Muitas são analfabetas, idosas e vivem nessa vida há muitos anos. Sim, existem mulheres ali de mais de 60 anos

Há alguns anos atrás, Irmã Regina conheceu Cleones. Foi uma comunhão imediata, estabeleceu-se ali um objetivo em comum, um comprimisso delas duas, e de quem mais quisesse ajudar, com as mulheres da Luz. E essas mulheres são, de fato, cheias de luz. Mesmo que queiram tirar isso delas.

O que dizer dessa freira que sai do conforto de seu convento para passar suas tardes, faça chuva ou faca sol, ouvindo essas mulheres tão machucadas pela vida? Irmã Regina é assim, pega sua malinha pela alça e sai arrastando o peso de comidas e refrigerantes para saciar um pouco a fome de quem precisa. Cleones batalha e batalha muito pelos direitos das mulheres, pela recuperação da dignidade de cada uma, batalha por cursos, palestras, por atendimento psicológico, por higiene, por defesa judicial e tudo mais que possam precisar.

Juntas, elas não apenas ouvem as necessidades das mulheres em situação de prostituição, mas as tratam como gente, como seres humanos que, assim como todo mundo, precisa de proteção, de saúde, de educação e de oportunidade.

 

O sonho desse grupo não tem limites. Todos os meses fazem uma roda de conversa com as mulheres. Já conseguiram muitas coisas desde cursos profissionalizantes, espaços para convívio e troca de informação, consultas médicas e jurídicas, algumas já conseguiram até sair de lá. Mas é um trabalho árduo e que precisa de ajuda concreta, tanto financeira quanto emocional.

Como já dissemos, não nos cabe julgar os tipos de prostituição. Apenas entender que, as mulheres da luz, são pessoas como todos nós.

 

IMPORTANTE!

Quer conhecer um pouco mais? Quer ajudar também? Ligue 964728631, ou procure pelo grupo no Parque da Luz. São aceitas doações de comida para o lanche coletivo e também voluntários para orientação e apoio às mulheres em situação de prostituição. E todos os anos o grupo realiza um almoço de Natal contando com doações e contribuições de quem puder.

Texto criado pela Paula Chande. Obrigado Paula <

Pão Vegan de Beterraba!

Pão Vegan de Beterraba!

Relacionamento abusivo NÃO!

Relacionamento abusivo NÃO!

0